terça-feira, 14 de outubro de 2008

A Bíblia e o Jornal


"Um cristão maduro é aquele que carrega a Bíblia debaixo de um braço (o recado eterno de Deus) e o jornal do dia (os problemas conjunturais dos homens) debaixo do outro. Assim ele pode tornar a fé relevante para a sua geração."


Essa afirmação foi feita por Karl Barth, e fez todo o sentido prá nós cristãos. Nessas poucas palavras encontramos um resumo da nossa missão: estarmos ligados a Deus e ao próximo. Pena que a religiosidade burra impregnou a nossa mente e subverteu as nossas prioridades.


Infelizmente ao nos "convertermos" parece que emburrecemos. Não é á toa que ser seguidor de Cristo é sinônimo de ser ignorante. Passamos a considerar tudo como pecado e originado no diabo. Nos esquecemos dos nossos amigos e parecemos viver num outro mundo. Isso é tão verdade que sempre nos referimos ás coisas que fogem do nosso arraial como sendo "do mundo". Quando me perguntam se eu escuto música "do mundo", eu digo que sim, e pergunto: e você, escuta música de qual planeta?


É, definitivamente temos que rever as nossas posições...

Nenhum comentário: