quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Porque não gosto do Papai Noel


Como é interessante perceber que após a conversão ao evangelho, o nosso ponto de vista sobre muitos assuntos muda radicalmente. Aliás, quanto mais conhecemos a Palavra de Deus, descobrimos que muitas práticas que antes aceitávamos, agora se tornaram desaprovadas pelo nosso Deus. Aqui se encaixa a figura do Papai Noel. Você pode se perguntar: “mas que mal pode haver nessa figura tão inofensiva que só traz alegria ás crianças?” Creio que devo te alertar dos perigos que estão por trás desta “doce figura”.


Primeiro, vemos que o Papai Noel ensina que os bons serão recompensados e os maus, castigados ficando sem presentes. Essa “justiça natalina” é totalmente contrária ao que a Bíblia nos ensina. Desde pequenos temos essa idéia dentro de nós: “só os bons merecem”. Daí vamos crescendo e começamos a pensar que merecemos alguma coisa, e pior, aos que não são bons, damos o nosso veredicto: o inferno! Onde se encaixa o ensino Bíblico de que todos são pecadores e carecem da glória de Deus? Onde fica a graça de Deus aos homens pecadores, que desesperadamente precisam dela? Quem de nós foi “bonzinho” este ano, levante a mão...


Segundo, vejo na figura do Papai Noel um grande problema: ele nunca puxa as nossas orelhas, nunca nos repreende e nunca nos dá broncas; ele só nos diz coisas boas e agradáveis. É tudo o que eu queria! Talvez seja por isso que a grande estrela do natal seja o “bom velhinho” e não o “Cordeiro de Deus”. Jesus não dá ibope... ele não tem aquela aparência agradável, não diz “ho, ho, ho”. É muito mais fácil gostar do papai Noel do que de Jesus, afinal ele só aparece uma vez por ano,e quando aparece diz aquilo que nos é agradável. E o pior é que ajudamos a espalhar a mentira, dizendo que ele mora no pólo norte, viaja num trenó, e desce pela chaminé... é o fim da picada!!!


Mauricio Boehme

Nenhum comentário: